Comunicado

 

A Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, em razão do término do contrato do Instituto Pensarte, e visando à continuidade das atividades do Theatro São Pedro, da Academia de Ópera e da Jazz Sinfônica, informa:

 

 

1- O corpo do Theatro São Pedro, a Academia de Ópera e o Teatro Caetano de Campos passarão a ser geridos, a partir do dia 2 de maio,  pela OS Santa Marcelina Cultura, gestora da Escola de Música Tom Jobim e do Projeto Guri, na Capital e na Grande São Paulo.

 

2- A Jazz Sinfônica passará a ser gerida pela Fundação Padre Anchieta, cuja gestão incluirá como espaço para ensaios o Teatro Franco Zampari.

 

 

A Secretaria de Estado da Cultura agradece o intenso trabalho realizado pelo Instituto Pensarte. Trabalho que, sem dúvida, resultou em um salto de qualidade na produção operística em São Paulo reconhecida, inclusive, com o prêmio APCA de melhor espetáculo de Ópera em 2016 (Dom Quixote).